Para garantir mobilidade, TCE assina termo de cooperação com o governo para implantação de PontoWeb

Terça-feira, 10 de janeiro de 2023


O conselheiro Ribamar Trindade, presidente do Tribunal de Contas do Acre (TCE/AC), assinou um termo de cooperação com o governo do Acre, por meio da Secretaria Estadual de Administração (SEAD), para a implantação do sistema PontoWeb, que deve garantir maior mobilidade aos servidores do órgão.

O termo foi assinado no gabinete da presidência do TCE/AC, na manhã desta terça-feira, 10, e contou com a presença do Secretário de Estado de Administração, Paulo Roberto, do Secretário de Estado de Administração adjunto, Guilherme Duarte. E também do assessor jurídico da presidência, Andrey Cezar Holanda, da Diretora de Administração e Finanças Ana Cristina Ferreira, e do diretor de Tecnologia da informação (DTI) Cláudio Pontes, ambos do TCE.

O objetivo do ponto eletrônico é dar mobilidade aos servidores, que vão poder, inclusive, assinar o ponto de fora do tribunal, através de GPS, e dá ainda a comodidade de ser um sistema auditável.

O presidente do TCE pontuou que por se tratar de um sistema que já está desenvolvido, e com a possibilidade de instalação imediata, foi fechada a parceria.

“Essa parceria do Estado com o TCE nos foi oferecida logo no início da gestão, essa questão do PontoWeb, e como estamos implantando no Tribunal, o controle de pontos, e esse sistema é interessante por já estar desenvolvido, por isso convidamos a SEAD para termos esse primeiro e contato deu tudo certo. Assinamos o termo de cooperação, e vamos solicitar para pegar todas as informações e fazer a implantação imediata”, disse o presidente.

O secretário Paulo Roberto explicou que a intenção é colocar o departamento de tecnologia da SEAD para conversar com o TCE para que ocorra a implantação.

“Estamos disponibilizando para o Tribunal o nosso sistema de ponto eletrônico. Algo que nós temos implementado há algum tempo no estado e, agora, estamos repassando essa tecnologia ao tribunal. A intenção é colocar o nosso departamento de tecnologia para conversar. Acredito que em 30 dias, no máximo, as soluções tecnológicas já estejam prontas para serem utilizadas”, informou o secretário.

 


Os comentários estão desativados.

Skip to content